terça-feira, 16 de março de 2010

Achados felizes de departamento

É impressionante o tanto de vezes que a gente se pega olhando pro armário completamente emputecida porque não tem roupa, né?
Outro dia isso me ocorreu na hora de ir pro trabalho: um calor descomunal na cidade, impossibilidade total de vestir qualquer coisa que ficasse em contato muito próximo com a pele, e no guarda roupa não constava nenhum vestido ou saia que fosse mais ou menos formal pra encarar o escritório.
Sem falar nas calças jeans que de repente ficaram mais justas que o previsto (é... casamento, né... rs).
Tomei coragem e fui atrás de roupas baratex, confortáveis e coringas pro bate-enxuga de trabalho. (alguém mais tem pavor de comprar calças jeans? as que não são absurdamente caras não encaixam na gente... uma coisa horrorosa.)
A Renner foi meu ponto de partida... e não precisei ir a nenhum outro lugar!
A coleção de inverno tinha acabado de chegar na loja e tava tudo ótimo. É tão raro eu gostar de mais de 2 coisas nessas lojas de departamento... Acabei indo umas 3 vezes pro provador com aquela sacolona cheia de peças. Acontecimento inédito na minha vida de fast fashion*. (E olha que a minha vida é composta pura e simplesmente de fast fashion! Hahaha!)
Acabei fazendo um cartão de lá... Cinco vezes sem juros é irresistível pro meu recém-empregado bolso. Saí de lá com peças lindas e que sei que vou usar até desmancharem. A primeira coisa que eu vi foram esses colares. O de pérolas me deixa tãaaao feliz! Só de olhar pra ele eu me sinto um ser fino e superior!!!
Além disso arrematei um vestido de malha preto (ok, super básico, mas agora eu tenho um vestido “de escritório”), um jeans que vestiu muito bem, uma camisa xadrez lindona com corte perfeito e uma calça pra malhar (é... um estímulo pra eu ir mais à academia. cof cof cof)
Ô alegria que é ter roupas novas, né?!
Viva e Renner, que topa atualizar nossos guarda-roupas com preço mais camarada e qualidade menos tosca!

* Fast fashion (moda rápida) é o termo que define as lojas que tentam levar ao grande público -  por preços módicos e em tempo récorde - as tendências vistas nas passarelas de grandes marcas. Muitas vezes as peças são cópias descaradas das marcas famosas, mas vendidas em tecidos e acabamentos de qualidade inferior, o que faz com que a durabilidade seja bem pequena, mas o preço, tentador. (mamãe, já sei rimar II)

4 comentários:

c r i s disse...

Hei Bel! També~m virei fã desta loja, até que acho a qualidade razoável por um ótimo preço, compro sem peso na consciência, principalmente prá molecada, que perdem roupa a cada estação, e são ficam uma gracinha! Bjo querida e viva as roupas novas!! Dilícia!!

Bel Lüscher disse...

Ei Cris!
É bom demais quando a gente sente que nosso $$ tá sendo bem usado, né?
;)

Maria Cristina disse...

Acho que vi um gatinho!!!!
Vou atrás dele!!!
Vou passear na Renner e ver se dá pra ficar mais charmosa. Adorei a idéia!!

Beijocas filha,
mãe

Bel Lüscher disse...

Vai mesmo mãezinha!!!
Tem que ter paciência pra achar coisas legais e, de preferência, ir nas lojas maiores (que têm mais opções), mas vale muito a pena!
:)

Related Posts with Thumbnails