segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Perambulando por certo Palacete

Ainda não tinha falado aqui, mas o Be trabalha com vinho (importação, no caso), estuda o assunto a fundo e escreve algumas de suas reflexões sobre esse universo - ainda tão desconhecido para muitos - no Peripécias Palacescas.
Claro que vou puxar a brasa pra minha sardinha e fazer propaganda, porque acho o jeite dele de escrever leve e gostoso, apesar da solidez do conteúdo. Ao contrário do que muita gente pode pensar logo de cara, lá não é o típico lugar onde se encontram os chavões metidos a besta dos enochatos que arrotam seus rótulos $ifrados por aí... é um espaço pra ajudar a conhecer, pensar e experimentar mais das possibilidades que as tais frutinhas podem oferecer ao bem viver!
Tá. Mas o que isso tem a ver com o Amélia? Tem a ver que o Be é meu marido, oras! Hahaha
Na verdade tem um pouco mais: parte do trabalho registrado no blog do marido é relacionada com harmonização, ou seja, com a forma de fazer com que o prato/comida/rango converse da melhor maneira com determinado vinho, permitindo que os 2 - bebida e comida - possam dar o melhor de si.
Os posts daqui sobre comidinhas estão aos poucos marcando território, então a partir de hoje eu oficialmente colaboro com o Peripécias Palacescas, documentando, palpitando e, às vezes reclamando, sobre nossas descobertas e tentativas nas cozinhas, restaurantes e biroscas do mundo a fora.

Obs.: Infelizmente, por enquanto o aspecto mundial vai ser menos documentado que o regional... mas aceitamos patrocínio!)
Obs. 2: Alguns posts daqui serão reproduzidos lá e vice versa, mas lá podem ser enriquecidos com comentários do Be.

3 comentários:

Pedro Lüscher disse...

e pensar que a poucos tempo atrás para gente harmonização de vinho com comida era ficar bebados no milharal e comer pipentinha. hahaha
mas falando sério... peço que dêm dicas de vinhos de preços acessiíveis.
beijos

c r i s disse...

Oi Bel, que delícia o post anterior, sou vidrada nestes temperinhos, e vou fazer uma visitinha lá no palacete, mas uno minha voz ao Pedro e peço dicas de vinhos acessíveis... Bjo!

Bel Lüscher disse...

Pedro, e quando a gente passava mal e expelia resíduos roxos??? hahaha
ô passado que condena, viu!
Cris e pedro, vou ver com o entendedor do assunto o que ele pode fazer, mas buzinem lá no ouvido dele do Peripécias... hahaha
beijos
;)

Related Posts with Thumbnails